quarta-feira, 28 de agosto de 2019







Já é muito comentado o lado místico e lúdico de Ouro Preto. Nossa antiga Vila Rica ostenta um vasto conhecimento que, muitas vezes, não estão nos livros de história. Reforçando um imaginário que permite que se estabeleça uma ideia de pertencimento comum, o livro “Tesouros, Fantasmas e Lendas de Ouro Preto”, de Angela Leite Xavier, é uma obra resultante de uma ampla coleta de histórias tradicionais - outras nem tanto - da população ouro pretana, seguido de um dedicado trabalho de elaboração, a fim de promover ao leitor uma experiência que permeia a ficção e a realidade quase de maneira conjugal.

A obra é acompanhada pelas ilustrações, desenvolvidas em bico de pena, pelo artista plástico ouropretano José Efigênio Pinto Coelho.

Nesta semana a equipe do Sentidos Urbanos recebeu exemplares do livro, entregues pela própria autora, aqui na Casa da Baronesa. Foi uma manhã repleta de trocas notáveis e causos arrepiantes!

  Angela Leite Xavier é natural do Pará de Minas, e teve participação no livro “Pará de Minas, meu amor - 150 anos de História e estórias”, de 2009; Formada pela PUC em História e pós - graduada na área pela UFOP. Além de tudo, é contadora de histórias e ceramista.

terça-feira, 20 de agosto de 2019

A Baronesa (Making Off)



quarta-feira, 24 de julho de 2019

Retorno das atividades do Programa Sentidos Urbanos: patrimônio e cidadania em 2019

Retomamos nossas atividades neste ano de 2019 e já estamos a todo vapor!






Quem somos? 

O Programa “Sentidos Urbanos: patrimônio e cidadania” desenvolve, desde 2009, em Ouro Preto, ações que abordam os conceitos de memória, identidade e patrimônio. Buscamos reconhecer a atuação dos moradores no espaço em que circulam.a partir de uma ampla metodologia, com jogos teatrais e lúdicos, além de exercícios sensoriais e roteiros.Parceria do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), através da Casa do Patrimônio, com a Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Atualmente é um projeto especial da Pró-reitoria de Extensão da UFOP.



Fique de olho nas novidades que estão por vir

Facebook
Instagram

segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Memórias do Veloso: Encerramento da atividade na Associação de moradores do bairro São Cristóvão



No último sábado, dia 15 foi a vez de finalizar mais uma atividade desse ano. O memórias do Veloso, começou lá no dia 22 de agosto e teve como ponto de partida a oficina Olhares (Im)possíveis. 

De lá para cá nossa equipe esteve junto com mais dois projetos: o Palimpsestos (extensão do curso de arquitetura da UFOP) e Diálogos sobre o patrimônio cultural (projeto do IFMG) na construção de mapas e registros das histórias de vidas dos moradores do bairro. 

Toda a produção foi protagonizada por um grupo de crianças que participou desde a primeira atividade. 

No dia do encerramento a comunidade pode acompanhar uma mostra das produções que aconteceu na Associação dos Moradores do Bairro São Cristóvão (que recebeu a gente desde o início do projeto memórias do Veloso). 

Na sala de audiovisual montada para o evento foram exibidos os filmes-cartas produzidos e as entrevistas gravadas durante o ano. 

Na sala de exposição era possível conferir diversos depoimentos de moradores do bairro, os mapas e os cartões postais que as crianças fizeram. 

O Sentidos Urbanos agradece muito as crianças e aos parceiros e parceiras da UFOP, IFMG e Associação dos Moradores do bairro são Cristóvão. 


 Confira as fotos:



































terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Confraternização marca o encerramento das atividades no Bairro Veloso/São Cristóvão

No segundo semestre de 2018, o Programa Sentidos Urbanos (IPHAN) firmou uma parceria com os projetos Palimpsestos (UFOP) e Diálogos sobre o patrimônio cultural (IFMG) para a realização do projeto "Memórias do Veloso". O início dos trabalhos começaram no dia de 22 de agosto, com a oficina Olhares (Im)possíveis e findaram-se no dia 21 de novembro, com a finalização das entrevistas com os idosos do bairro, e a realização da maquete do lugar. No próximo sábado, 15 de dezembro,  às 16 horas, todo o material realizado durante o processo da oficina, será apresentado à comunidade, numa confraternização, que ocorrerá na Associação dos moradores do bairro São Cristóvão, onde as práticas foram realizadas. Estão todos convidados!




Olhares (im)possíveis: Alunos recebem os cartões postais

Na manhã da última terça-feira, dia 11 de dezembro, os alunos da Escola Estadual de Ouro Preto (Polivalente) e os da Escola Municipal Monsenhor João Castilho Barbosa receberam os seus cartões postais. A partir do mapa afetivo, realizado no primeiro dia da oficina, os participantes selecionam os seus lugares de interesse, e realizam os registros. Depois as fotos escolhidas pelos participantes são impressas em um cartão postal individual, que é entregue para eles e para escola.


segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Professor Espanhol participa de Roteiro Sensorial

Na manhã da última sexta-feira, dia 30 de Novembro, o Professor Marcelo Miguel Martín Guglielmino (Universidad Pablo de Olavide – UPO - Espanha ), Arquiteto e especialista em percepção do patrimônio, participou de um de nossos tradicionais Roteiros Sensoriais. O trajeto escolhido para o professor sentir a cidade de outra maneira, foi Praça Tiradentes - Antônio Dias. Através da utilização de dispositivos, que provocam novas formas de percepção, o participante pode experimentar Ouro Preto explorando os outros sentidos.
O Roteiro Sensorial pode ser aproveitado ainda, para troca de informações e conhecimento dos mediadores com Marcelo Martín. Confira na nossa galeria as imagens do Roteiro: 









sexta-feira, 23 de novembro de 2018

Encerramento da atividade no Bairro São Cristóvão/Veloso

Na tarde da última quarta-feira, dia 21 de novembro, aconteceu o encerramento das atividades da ação "Memórias do Veloso/São Cristóvão". Neste dia, as crianças realizaram uma maquete do bairro, apontando àquilo que mais gostam no lugar, tendo como ponto de partida o local da Associação. 



Imagens: Nádia Matar
Feita em parceria com a equipe do curso de Conservação e Restauro, do IFMG, e do curso de Arquitetura, da UFOP, a ação tinha como foco, a realização de diversas entrevistas com idosos do bairro, fazendo assim o registro de memórias afetivas do lugar. Quem realizou as entrevistas foram as crianças do bairro, as mesmas que participaram da primeira etapa do processo: a oficina Olhares (Im)possíveis.
No dia 15 de dezembro, acontecerá um evento na Associação do Bairro São Cristóvão, onde serão exibidos os materiais produzidos durante as atividades realizadas. Será imperdível. 

Continue ligado nas nossas redes sociais e fique por dentro das nossas atividades!

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Olhares (Im)possíveis: Encerramento da oficina na EM Doutor Pedrosa

Na manhã da última segunda-feira, dia 19 de novembro, aconteceu, na Escola Municipal Doutor Pedrosa, localizada no distrito de Santo Antônio do Leite, o encerramento da oficina Olhares (Im)possíveis. Na semana anterior, as crianças realizaram as filmagens de seus filmes-carta. No encerramento, eles assistiram suas produções e receberam os cartões-postais impressos. Foi muito divertido estar com esta turminha, sentiremos falta! Confira como foi nosso último encontro na galeria de imagens:





A ação Olhares (Im)possíveis aconteceu em parceria com o Programa de Educação Patrimonial: Ouro Preto, meu lugar.

Continue ligado no nosso blog e nas nossas redes sociais e fique por dentro das atividades do Programa Sentidos Urbanos: Patrimônio e Cidadania.

sábado, 10 de novembro de 2018

Confira como foram os últimos dias das nossas atividades em Serro/MG




Na última quinta, dia 08 de novembro nossa equipe realizou duas atividades aqui no Serro/MG. 

Na parte da manhã uma turma da escola Estadual Ministro Edmundo Lins recebeu a oficina de cartões postais. Após realizarem os mapas afetivos, cada um escolheu um ponto da cidade para fotografar. As fotografias escolhidas se tornarão os cartões postais de cada estudante. Essa foi a Terceira turma que recebeu a atividade. 
Na parte da tarde foi a vez de retornar as atividades com a turma que realizou a oficina de vídeo, do nono ano da mesma escola. Na ocasião assistimos aos minutos Lumière (vídeos de um minuto feitos com a câmera fixa em um tripé) realizados na visita a fazenda produtora de queijo, no dia anterior. 

Já na sexta dia, dia 09 de novembro, também realizamos atividades nos dois turnos.

Pela manhã realizamos novamente a oficina de fotografia em dispositivos móveis para realização de cartões postais. 
Na parte da tarde demos início a experiência sensorial com os professores e as professoras da rede municipal de ensino do Serro. 
A vivência foi um momento de troca intenso entre as pessoas que participaram. Nossa vivencia contou com diversos jogos teatrais e improvisações. Além disso, também trabalhamos com o resgate das memórias. 

No sábado( dia 10)também foi dia de trabalho aqui em Serro! 

Nos reunimos na parte da manhã com professores e professoras da rede estadual de ensino. Na ocasião trabalhamos com as memórias sobre o serro e as infâncias de cada um e cada uma que esteve lá. 

Saiba mais sobre ação do programa Sentidos Urbanos - Patrimônio e Cidadania em Serro/MG

Nossa equipe veio ao Serro executar o projeto "Oficinas de salvaguarda do patrimônio cultural imaterial do Modo Artesanal de Fazer Queijo Minas e material do Conjunto Arquitetônico e Urbanístico Tombado de Serro/MG" que incluiu oficinas de vídeo, cartão postal e formação de professores. 
Durante essa semana nossos trabalhos contemplaram 139 estudantes e 39 professores. 
Nossa equipe retorna com a sensação de dever cumprido e os melhores sentimentos sobre o que construímos aqui (juntos com a população) durante essa semana. 
Gostaríamos de agradecer especialmente a Larissa Faloni, Coordenadora do escritório técnico do IPHAN/ Serro, pela recepção e atenção. 
Esse projeto foi uma realização do IPHAN e programa Sentidos Urbanos - Patrimônio. Além da UFOP, fóram nossos parceiros nessa atividade: Secretária de Educação, Secretaria de Cultura, Conselho de cultura e patrimônio, e Museu Casa dos Ottoni, em Serro MG. 

Confira as fotos dessas atividades: 

Ações de quinta-feira, dia 08:




























Ações de sexta, dia 09: 




















Ação de sábado, dia 10:






Já é muito comentado o lado místico e lúdico de Ouro Preto. Nossa antiga Vila Rica ostenta um vasto conhecimento que, muit...